fbpx

Estratégias de Negócio: Locação de Máquinas

Crise Econômica e o Mercado da Construção Civil
dezembro 1, 2017

Como estratégia para aumentar a rentabilidade dos negócios muitas empresas e pequenos construtores investem na locação de máquinas como uma opção segura e econômica

Em tempos de crise econômica, a empresa que consegue ter uma boa gestão de seus recursos para reduzir os custos e aumentar a produtividade garante a estabilidade necessária para seguir em frente em uma corrida que se torna a cada dia mais competitiva. No mercado da construção civil esse princípio se prova verdadeiro à medida que percebemos que poucas foram as empresas do ramo que conseguiram sobreviver a violenta crise enfrentada pelo setor nos últimos anos.

A soma de uma bolha imobiliária que gerou excesso de oferta com os escândalos políticos que endividaram grandes empreiteiras levou o setor – que sozinho era responsável por 6.5% do PIB do país – a uma situação preocupante com milhares de demissões e uma queda bruta de rentabilidade.

Essa crise perdurou por alguns anos e agora, finalmente, parece que o setor da construção civil pode começar a respirar novamente. A tímida retomada da economia e a volta do investimento governamental no setor faz renascer a esperança de que em breve as cidades estarão novamente tomadas por canteiros de obras.

Tempo de analisar e investir de forma inteligente

Mas mesmo com essa pequena esperança, nesse momento de retomada é crucial que as empresas se atentem para alternativas e estratégias que visam aumentar a rentabilidade e reduzir custos. E é nesse momento de análise que muitos tem chegado ao mercado de locação de máquinas como uma solução prática e inteligente.

A relação entre a construção civil e as máquinas é complicada. Por um lado, sem as máquinas adequadas não é possível trabalhar. Estas trazem agilidade ao processo e facilitam a execução da obra de forma eficiente.  Já por outro, estas maquinas muitas vezes são pesadas e de difícil manuseio, necessitam de manutenções constantes e configuram um investimento altíssimo, pesando o bolso do construtor.

Por isso mesmo, o mercado de locação de máquinas tem se destacado e crescido cada vez mais. Segundo estimativas da Associação Brasileira de Locadores de Equipamentos (ALEC) 30% das maquinas utilizadas no Brasil são alugadas e a expectativa é que esse número chegue a 70%. O mercado brasileiro movimenta sozinho, U$ 8 bilhões por ano nesse setor.

Mas por que vale a pena?

O mercado de locação cresce não só no campo da construção civil. Mas, nesse ramo as vantagens falam por si só: Ao locar um equipamento você estará sempre utilizando equipamentos novos, modernos e de alta performance. Além disso, as locadoras oferecem assistência técnica constante, auxilio de profissionais que orientam a respeito da forma correta de se utilizar cada maquina e opções flexíveis de pagamento.

Poder locar um equipamento a medida que as necessidades vão surgindo reduz os custos – você não terá que desembolsar o valor que seria para comprá-lo – otimiza o tempo e ainda aumenta a rentabilidade de seus investimentos, já que você não precisa investir em equipamentos que ficarão parados após o uso.

Quer Começar um negócio de locação?

Atestada a necessidade inquestionável das maquinas e ferramentas para o mercado da construção civil e também a praticidade da locação desses equipamentos, muitos percebem a oportunidade de empreender e iniciar seu próprio negócio de locação ou até mesmo ampliar suas áreas de atuação.

Para que isso aconteça da forma segura o primeiro passo é estudar a sua região, conversar com as construtoras locais e descobrir quais são as necessidades e maiores demandas. Assim, você poderá focar em uma linha que queira trabalhar já que o mercado de locação é bastante amplo e possui diferentes tipos de maquinas com tamanhos e funções diferentes.

Outro ponto muito importante é preparar uma infraestrutura baseada na linha que decidiu seguir. Dependendo do tamanho das máquinas será necessário bastante espaço para armazená-las e também meios de transportá-las. Também será necessário analisar quanto será necessário investir para aquisição e manutenção dos equipamentos. Se você tem uma quantia menor para investir, por exemplo, você pode apostar nos equipamentos de menor porte e uso doméstico em vez de já procurar máquinas pesadas que além de custar mais, necessitam de uma infraestrutura maior.

Além da atenção a essas questões de estrutura física, o capital humano do seu negócio também merece análise. Contrate profissionais qualificados que tenham conhecimento do mercado, invista em cursos e treinamentos para que sua equipe conheça a tecnologia e funcionalidade de cada máquina e esteja sempre reciclando esse conhecimento. Além disso, seja exigente quanto à qualidade de atendimento e bom relacionamento com os clientes. Como o mercado tem crescido bastante, a concorrência também tem aumentado e com isso, quem conhece bem seus clientes e suas necessidades consegue o que nesse mercado é tão importante: fidelização de locadores. Parte desse relacionamento deve ser focado na transparência nos contratos e termos da locação. Sempre alerte seus clientes a respeito das clausulas presentes nos contratos e em que condições estes devem devolver o equipamento locado. Mas, tão importante quanto conhecer o cliente é conhecer bem os concorrentes. Ao conhecer quem são os concorrentes e o que estes oferecem você tem a chance de desenvolver ofertas diferenciadas e inovadoras.

Pronto! A essa altura você já possui a equipe empenhada em atender bem os clientes e treinada a respeito das maquinas, suas funções e manutenções. Já escolheu um local adequado com espaço necessário para armazenamento e transporte dos equipamentos e já conhece seus concorrentes e os produtos por eles oferecidos e é hora de começar a lucrar nesse mercado que só cresce!

A crise econômica é a desculpa que muitos usam para desistir de tentar e se esconder atrás das dificuldades. Mas ela pode também, ser um campo de oportunidades pra quem tem coragem de inovar e procurar alternativas para crescer. O ramo de rentals é uma opção para esses empreendedores. Com as ferramentas corretas para conhecer seu estoque e gerenciar os custos como manutenção e limpeza, é possível organizar com mais tranquilidade seus negócios de forma a alcançar estabilidade e lucratividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Já sou cliente